5 erros que você deve evitar na instalação elétrica da sua empresa

5 erros que você deve evitar na instalação elétrica da sua empresa

produtos-imc-resistenciasPowered by Rock Convert

A instalação elétrica pode ser descrita como o centro nervoso de toda empresa. Sem ela não há como a organização funcionar. São computadores, máquinas e equipamentos que podem permanecer até 24 horas ligados.

Por essa razão, as instalações devem ser bem dimensionadas e utilizar materiais de boa qualidade, assim contribuindo para uma vida útil longa e sem intercorrências. Pois, erros e falhas levam a paradas não programadas e gastos não previstos com manutenção e compra de peças para reposição; e, com certeza, você não deseja isso, não é mesmo?

Pensando nisso, listamos 5 erros mais comuns que podem afetar o desempenho e a segurança para o bom funcionamento da instalação elétrica. Confira e fique atento para evitar esses problemas!

1. Contratar profissionais incapacitados

Tanto o projeto como a execução das instalações deve ser planejado por profissionais habilitados e capacitados. Somente assim você terá toda a segurança e economia.

A contratação de profissionais não capacitados são práticas corriqueiras no mercado. Essa atitude pode comprometer a qualidade e a vida útil da sua empresa. Portanto, sempre contrate profissionais qualificados para qualquer serviço na parte elétrica.

2. Falta de projeto elétrico

Projetos elétricos são essenciais para que uma instalação esteja de acordo com a norma NBR-5410 (Instalações Elétricas de Baixa Tensão). Sua falta acarreta erros no dimensionamento dos cabos e dos disjuntores. Além de gastar mais com aquisição de materiais não é seguro ter uma instalação executada de qualquer jeito.

É na fase de elaboração do projeto elétrico que os riscos são evitados e as soluções são apresentadas. Quando for realizar reformas ou manutenções é muito importante ter todas as informações da instalação.

3. Materiais inadequados

Utilizar materiais não certificados é um risco muito grande! São cabos desbitolados, disjuntores que não desarmam em casos de superaquecimento do circuito, capa de proteção dos cabos que exalam fumaça tóxica e que pega fogo com facilidade etc.

Logo, não adianta ter um bom projeto elétrico e um profissional habilitado se você não seguir as especificações e comprar materiais de qualidade e certificados. A economia não pode afetar a qualidade dos materiais.

4. Sobrecarga na instalação elétrica

Os circuitos de tomadas são dimensionados para comportar uma carga específica ou algum equipamento. Quando ultrapassa esse valor, a sobrecarga acontece e como resultado há a queima do cabo e o desligamento do disjuntor no quadro elétrico.

Veja o exemplo a seguir: o cabo e o disjuntor estão de acordo com a carga de 100 Watts, então você coloca um equipamento de 600 Watts. A tomada superaquecerá e desligar a chave correspondente a essa instalação e, em situações extremas, pode-se iniciar até mesmo um incêndio.

5. Não instalar o DR

Você sabe o que é um DR (Dispositivo Residual)? Este dispositivo tem a função de proteger os animais e as pessoas contra choques elétricos por contato direto ou indireto causado por uma fuga de corrente.

Quando essa situação acontece, o DR (instalado no quadro elétrico), desliga o circuito imediatamente.

O uso do DR é obrigatório conforme norma NBR-5410, nos seguintes casos:

  • circuitos de chuveiro ou outro equipamento que faz uso de resistências;
  • tomadas instaladas em áreas externas;
  • instalações de dependências internas molhadas ou sujeitas a lavagens.

Enfim, seja qual for a instalação elétrica, o ideal é que ela tenha como base três pilares: projeto e planejamento, materiais de qualidade e profissionais qualificados. Ao analisar esses pontos, as chances de algo dar errado são diminuídas de fora considerável.

Então, agora que você conheceu os erros mais comuns em instalações elétricas, assine nossa newsletter para ficar por dentro de mais informações como essa e várias outras novidades!

Gostou do texto?

Faça seu cadastro e receba todas as novidades do blog no seu email.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *