Saiba o que é a resistência aletada e suas principais aplicações

produtos-imc-resistenciasPowered by Rock Convert

É muito importante entender sobre o funcionamento de certos equipamentos que são compostos por resistências e ajudam no cotidiano dos colaboradores. Há diversos tipos de resistência, entre elas estão as de cartucho, imersão, quartzo e aletadas. Essa última é muito usada nas máquinas industriais e gera energia térmica, sendo útil para o derretimento de borracha e plásticos.

Neste artigo, vamos explicar o que é resistência aletada e quais são suas aplicações. Por outro lado, vamos mostrar a importância de entender melhor o funcionamento de certos equipamentos e como esse conhecimento pode ajudar na sua rotina. Por fim, vamos falar sobre as vantagens desse tipo de produto e como eles podem gerar resultados positivos para as empresas.

Deseja saber mais sobre resistência aletada e suas aplicações? Continue a leitura deste artigo!

Entenda o que é resistência aletada

A resistência aletada além de ser elétrica é composta por aletas cujo aquecimento se baseia na transferência de calor por irradiação ou por condução. Essas resistências são blindadas com metal que as protegem e podem ter formatos distintos que variam de acordo com a sua aplicação.

Retangulares e helicoidais

As retangulares ou em forma de U são ótimas para as estufas. As helicoidais, por sua vez, são excelentes para equipamentos que fazem o degelo, promovem o aquecimento e para os fornos. Elas são à prova de umidade e bastante versáteis, podendo ser fixadas com o uso de suporte ou parafuso.

Cartucho e imersão

Já a resistência cartucho é essencial quando há a necessidade de aquecimento uniforme, por exemplo, nas indústrias que transformam plásticos. As resistências de imersão são fabricadas para serem submersas em líquidos com densidades distintas, tais como solventes, óleos, combustíveis e água.

Tubulares

As tubulares de quartzo são apropriadas para sistemas de irradiação com infravermelhos. Todas elas exigem cuidado, manutenção preventiva e verificação das conexões elétricas para obter pleno funcionamento. Portanto, a resistência aletada é um modelo especial, simples e prático. Trata-se de uma solução muito eficiente e eficaz para as empresas.

Confira as aplicações da resistência aletada

As aplicações da resistência aletada são amplas, visto que podem aquecer gases naturais, ar, estufas e secadores. Elas são diferentes das resistências convencionais por que têm diversas divisórias com cavidades que permitem a circulação do oxigênio de forma ampla. Há blindagem inoxidável que as envolvem ou são fabricadas em aço carbono.

Indústria automotiva

Diversos setores industriais utilizam as resistências aletadas para trabalhos a seco, por exemplo, nas cabines de pintura do segmento automotivo. A resistência aquece e garante a dispersão do calor. No caso de trabalho ventilado, a peça serve para o aquecimento do ambiente, funcionamento de calefatores e aquecedores.

Acomodações turísticas

Dessa forma, além das indústrias de ramos diversificados, a resistência aletada é interessante também para pousadas e motéis. Os itens são fabricados sob um controle de qualidade rígido para garantir excelente custo/benefício aos consumidores, com vida útil prolongada e resistência.

Fábricas de vários segmentos

Uma equipe de profissionais qualificados e especializados, incluindo engenheiros, desenvolvem conhecimentos específicos na área para oferecer soluções relevantes para fábricas. Eles produzem peças personalizadas de acordo com a necessidade do cliente ou padronizadas.

Os itens contribuem de modo decisivo para elevar o desempenho operacional. Os componentes apresentam alto padrão de qualidade, são confiáveis, eficientes e suas peças elétricas são especiais para a realização de diversos processos. Além do mais, os produtos são fabricados com tecnologias inovadoras e modernas.

Madeireiras

A resistência aletada é muito utilizada em túneis de secagem de madeira, visto que reduz o teor de umidade e aumenta a durabilidade do material. O aquecimento evita a formação de fungos, melhora a qualidade do produto e evita defeitos, além de oferecer outras vantagens.

Por fim, vale destacar que as peças fazem parte de painéis eletrônicos, impressoras flexográficas, estufas industriais, aquecedores de ar com circulação forçada, secadores, câmaras de secagem, dutos de ar forçados, bancos de carga resistivos, aparelhos de ar condicionado, túnel de encolhimento, fornos de recirculação, para tratamento térmico ou cura de resina, seladoras de plásticos, entre outros equipamentos.

Veja quais são as vantagens da resistência aletada

Resistências aletadas são projetadas para transferir calor e permitir o aquecimento, bem como o aumento de energia em ambientes apertados. Sendo assim, elas trazem diversas vantagens para os seus usuários. A maior delas é o acréscimo de área para transmissão de calor que as tornam mais potentes devido ao maior contato das aletas dissipadoras com o ar.

Pelo fato de serem peças de excelente qualidade, elas apresentam um desempenho mais completo e acarretam ganhos em processos industriais. O sistema é beneficiado e os equipamentos eletrônicos funcionam perfeitamente, não havendo possibilidade de falhas e nem a transmissão de corrente elétrica em potência inadequada, possibilitam a economia de energia.

Compreenda como a resistência aletada melhora os resultados

A resistência aletada é indispensável para melhorar os resultados das instituições de ensino e pesquisa, da indústria, dos hospitais e dos edifícios residenciais. Faz o aquecimento das superfícies, das máquinas e equipamentos de acordo com a necessidade dos empreendimentos.

O componente ajuda a secar enxovais e cobertores com muita rapidez, climatiza ambientes, promove o funcionamento adequado dos dutos de ar e dos procedimentos industriais que necessitam de ar aquecido. As peças podem conter acessórios e terminais de ligação distintos, razão pela qual deve-se avaliar em qual equipamento elas serão utilizadas.

Descubra por que a manutenção preventiva da resistência aletada é importante

A manutenção preventiva é essencial para que os equipamentos funcionem corretamente. As resistências aletadas precisam de acompanhamento como qualquer outro tipo de resistência. É crucial verificar a qualidade da conexão elétrica e fazer a conferência das informações técnicas que ficam registrados na etiqueta. Nela você poderá descobrir se o item é apropriado para a rede elétrica do local.

Agora você já sabe o que é a resistência aletada e suas principais aplicações. Depois de ler este conteúdo, ficou mais fácil identificar os tipos de resistências e os seus formatos. Como você pôde ver, os componentes são úteis para uma infinidade de dispositivos, máquinas e equipamentos utilizados nas mais variadas áreas. Mas eles precisam de revisão e de cuidados para a sua preservação.

Gostou do conteúdo, mas ainda tem dúvidas sobre resistências aletadas? Deixe aqui o seu comentário que em breve registraremos uma resposta!

Gostou do texto?

Faça seu cadastro e receba todas as novidades do blog no seu email.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *